Tenda da Lua

O círculo feminino Tenda da Lua é composto por uma jornada de aproximadamente 230h que são distribuídos em encontros mensais (ou bimensais) ao longo de dois anos. Nestes encontros, temos a oportunidade de revisitar e refletir acerca do modo como fomos nos construindo e nos constituindo enquanto mulheres desde a decisão de encarnarmos num corpo feminino.

São abordados vários temas relacionados ao desenvolvimento do ser feminino através de metodologia criada pela facilitadora, utilizando uma abordagem transpessoal e uma visão holística. Ao longo dos encontros, revisitamos as “quatro estações da mulher (primavera, verão, outono e inverno)”, associando-as às diferentes faixas etárias, aos Mistérios de Sangue (menarca, gestação, menopausa), às fases da Lua, aos vínculo das mulheres com as energias telúricas, lunares, arquetípicas e sagradas, vivenciando rituais de iniciação e passagem próprios do nosso gênero. Ao mesmo tempo, vamos refletindo sobre crenças, padrões, ideologias que plasmaram a nossa visão a respeito de nós mesmas, nossa família, nossos relacionamentos afetivos, sexuais, profissionais.

E somos convidadas a fazer outras escolhas quando identificamos que estivemos nos orientando por conteúdos obsoletos e sem significado, quando reconhecemos que nos afastamos da alma, do coração.

Ao ingressar nesta comunidade urbana que vem caminhando junto há duas décadas, que vem reconstruindo e ressignificando os papéis femininos e a própria identidade da mulher desde 1994, estabelece-se um vínculo curador e nutritivo com todas estas mulheres que continuam se encontrando ao longo de todo este tempo, onde a linhagem das gerações que vieram antes ampara e sustenta as que estão chegando agora, aprendendo com e orientando também as novas gerações que chegam a cada ano.

O ingresso nestes círculos é condicionado pela caminhada anterior nos Círculos Femininos da Tenda da Terra.

Atualmente, temos Círculos da Tenda da Lua em Porto Alegre e Florianópolis.

Estas jornadas são conduzidas por Lúcia D. Torres.